top of page

Antes de dormir




Quando era pequena, quase todas as noites minha mãe lia para nós. Dormíamos eu e minha irmã pensando nos personagens e "viajando" nos cenários imaginários. Momentos inesquecíveis!


Fomos crescendo e os livros infantis foram virando romances. Às vezes eram lidos capítulos e outras páginas, dependendo do cansaço do dia.


Dois livros inesquecíveis foram:

  • Meu Pé de Laranja Lima, de José Mauro de Vasconcelos

  • Pollyanna, de Eleanor H. Porter

Romances esses, com acontecimentos fortes que nos deixavam aos prantos, quando as histórias eram de maus tratos e ao mesmo tempo de reparação.


Hoje em dia, quando chega um livro novo, fazemos um sarau nos finais de tarde.


Estou fazendo essa retrospectiva para dividir com vocês que desde cedo, ao ouvir histórias, com três anos eu também já contava a minha.


Observem que é rica em detalhes, cores e personagens, com poucas palavras e muita visualização.


Vamos lá:


"Era uma vez um *popote colado de bigode vermelho."


Tradução: Era uma vez um cavalo corado de bigode vermelho.


Hoje, um pouco mais madura, mas nem tanto (risos), consegui entender a minha história.


Na rua onde morava minha avó (Jesuíno Cardoso), passava uma carroça com um cavalo que eu amava. Não lembro o que o condutor vendia, só queria saber do "popote". Quanto ao corado, é porque minha avó sempre dizia que pessoas coradas eram saudáveis (obviamente para ficar corado, tinha que comer tudo, o que na época eu não fazia, pasmem... PASMEM!).


O bigode vermelho foi o mais demorado para ser descoberto... A primeira coisa que veio em mente foram as mulheres da família depilando o buço, provavelmente achei muito bonito o tom avermelhado em cima dos lábios. Essa especulação não deu certo, pois não existia cera quente naquela época.


Fiquei abismada, pois com todo meu raciocínio CSI, ainda pesquiso a fonte do bigode vermelho. Em uma conversa em família, chegamos à conclusão que INVENTEI!


Talvez esse momento tenha sido o "start" para a minha criatividade... risos

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page