top of page

Juca Pelo Mundo



Assim que me adaptei ao novo lar, fiquei mais “soltinho” e comecei a procurar lugares seguros para deixar os biscoitos e os brinquedos que mais gosto.


Tem uma máquina de costura antiga que chamam de objeto de decoração, que é o lugar mais perfeito para colocar meus “recebidos”, só que toda vez que entro tenho que chamar as meninas para me tirar de lá !!!


Maior mico (me perdoem a expressão animal).


Só depois de seis meses dei o meu primeiro latido, todos pensaram que tinham cortado

minhas cordas vocais! Após algum tempo, sempre que vou me manifestar latindo, escuto um “- Chiiiiiiiiiiiiiiii”, talvez por ter um latido de tenor, talvez...


Minha mãe me levou para desbravar o mundo fora das quatro paredes. Atualmente conheço

muito bem meu bairro e estipulei um trajeto pessoal, indo somente onde acho interessante.

Faço muitos amigos, fora uns mau encarados que frequentam meu território e posso denomina-los de "sem noção"!


Escutando a conversa dos adultos, descobri que o mundo vai muito além do meu bairro!!!


Imediatamente tive que colocar um limite nessa tal de ”volta ao mundo”, sem chance!


Será que elas esquecem que sou um Dachshund e tenho pernas curtas?


O meu "andar por aí" é meio relativo, Pedro (@pedroandradetv, deixo essa parte aventureira com você).


Preciso ficar aberto às novas possibilidades, pensando melhor, uma volta pela Itália não me

faria mal nenhum!


Macarrão! Porpetta! Pizza!


Auuuuuuuuuuuuuuuuuuu...


Commendatore Juca Bisteca Vitali Neto

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page