top of page

Vou te dar um conselho!



Hmmm, tenho certeza que estão pensando: - “se conselho fosse bom, a gente venderia”, então vou vendê-lo, anotem aí o meu PIX!


Aliás, vou dar vários conselhos aqui - que coisa chata, né? Mas estou inspirada! E olha que nunca gostei muito dessa ideia de conselhos não solicitados.


Preparados?


Aproveitem a infância e todas as fases de seus filhos, pois é num piscar de olhos que eles crescem! Vapt vupt, e de repente, se tem um adulto em casa! Outro dia mesmo elas estavam no kindergarten, e agora, uma delas está prestes a terminar o college! E eu olho para ela e ainda me lembro da primeira lunchbox, e mais ainda lá atrás das aulinhas de música quando ela tinha 2 aninhos e sentava no colo da music teacher, e aos 3, quando saía correndo para me encontrar dando aquele tapinha no tamborim que o professor segurava no final das aulinhas matinais já desacompanhada dos pais.


Aproveitem as mensagens da sua mãe, madrinha ou amiga - aquelas mensagens de bom dia, o sol está lindo, vamos agradecer - elas podem parecer cansativas e robóticas, mas não são não, elas reafirmam que sua mãe, madrinha ou amiga está aqui, ainda nesta vida com você!


Aproveitem o sol, o sol quentinho, o sol do verão ameno, aquele que esquenta a pele e a alma. Porque se um dia você for morar num lugar de verão curto ou de temperaturas baixas e desconfortáveis você vai reverenciar o sol diariamente, e postar fotos dele todos os dias, repito, todos os dias você vai amar o sol!


Aproveitem a casa com comida quentinha, no fogão ou servida à mesa. Porque quando a gente cresce, e se morar fora do pais então, onde homemade food vale mais do que ouro, você vai agradecer sua mãe - no meu caso, a melhor mãe do mundo porque cresci com “almoço e jantar” todos os dias com comida fresca - aquele arroz, feijão, carne, peixe, ou seja, uma proteína, e legumes, ah, e salada, - sim, todos os dias!!! Amém, Amém, para sempre respeitada e honrada minha mãe Angelina, que cozinha muito, mas muito bem!


Que saudades das sopas! Ou aproveitem e agradeçam a pessoa que foi contratada para cozinhar para vocês - eu cozinho com uma certa frequência, e digo, uma função gostosa, às vezes, mas laboriosa se quisermos fazer algo from scratch e com sabor! Explico melhor, picando as cebolas, o alho, os temperos, os legumes etc.


Aproveitem a roupa passada dobradinha sobre a cama porque o risco de isso nunca mais acontecer é bem grande, principalmente se você se mudar para um país onde o valor de qualquer serviço é lunático - exorbitante!


Aproveitem os cabelos volumosos, sabem por quê? Eles afinam, caem, ficam ralo, e para se fazer um rabo de cavalo é preciso colocar um implante ou usar outros artifícios, e pagar por uma escova então não faz o menor sentido! Só sobram fiapos!


Aproveitem aquele colágeno maravilhoso, natural da juventude, e que trabalham para você até, no máximo, seus quarenta e tanto, depois disso, de repente, mais do que de repente, cai, I mean, cai tudo, só gengiva sobe - e é verdade, uma vez ouvi isso e ri, mas já constatei ser verdadeiro!


É claro que há tratamentos, cuidados etc, mas o moço estava certo, a lei da gravidade existe, e está comprovada todos os dias quando olho no espelho!


Aproveitem aquele dia da preguiça, de meio sem saber o que fazer, porque tem dias que a lista de afazeres e as obrigações são tantas que a gente não sabe por onde começar!


Aproveitem o silêncio, a capacidade de concentração e até a disciplina com as quais nascemos, e se ainda lhe restam um pouco; e invistam na meditação e na prática de atenção plena porque o mundo aqui fora é frenético. Entre o trilhão de coisas para se fazer, a mente da gente dispara setas para todos os cantos como se fôssemos um compasso descompassado! Lembram do compasso, a gente fazia aquele círculo certinho na época boa de escola. O compasso só me veio à mente porque as setas repletas de responsabilidades vão para todos os lados cobrindo os 360 graus, e para se concentrar em uma delas de cada vez está se tornando cada dia mais difícil!


Ufa, chega de conselhos por hoje! Esses me vieram à mente sem esforço algum! Viu como tenho conselhos! Mas vou parar por aqui. Vocês já entenderam o meu ponto.


Aconselho agora que todos deem uma paradinha, façam uma pausa, respirem e aproveitem o que vem a seu favor!


E sabem o que mais, ninguém gosta de conselho não solicitado, mas percebo que hoje em dia, pagamos para o trabalho de um consultor, life coach e afins, para que nos auxiliem ou nos tragam uma luz nessa vida atribulada que vivemos!


Ah, para finalizar aconselho que sigam lendo os textos aqui do site - todos escritos com carinho de quem quer compartilhar uma ideia ou experiência!


Até a próxima!


Rose Sperling

Kommentare

Mit 0 von 5 Sternen bewertet.
Noch keine Ratings

Rating hinzufügen
bottom of page