top of page

Para aqueles dias



Para aqueles dias

Onde contemplar é sempre uma opção de caminho ou se lamentar também….

Espero que seja claro

Mas não óbvio!!!


O dia era claro, claro.

Claro para aqueles que não tem dúvida

E a noite

A noite também

Clara

Como resposta automática sem computadores envolvidos

Carma

Era mais um dia….

Como qualquer outro!!!

Poderiam afirmar

Ironicamente

Automaticamente ou

Sarcasticamente

Mas não o fazem

Pois não sabem

Ninguém sabe da dor

Daquele que não

Expõe o que sente

Ninguém sente a dor

Daqueles que escondem

O que não sentem

Sentir só não é claro

Para quem não entende nem mesmo das atitudes que tendem a escolher nas altitudes….

Assim, como se fosse fácil.

A sensação que envolve

Não é por acaso

Cada perda

Cada beira

Sem eira

Cada abismo

Pleonasmos

Construídos

Desconstruídos

Por abalos

Sísmicos

Cada cinismo

Mau formado

Ultrapassado

De maneira firme

Por vezes

Desencontrada

Daquilo que se vive

É um prêmio

Uma reviravolta

Circense

O segundo

As horas

As poças

Desorganizadas

E os prêmios

Mau cuidados

Jogados e largados

Do lado de fora

Que servem apenas

Para encharcar palavras

Que não se mostram

Um balaio de amostras

Expostas

Que não se discute

Lamenta-se


Luciana BST

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page